sexta-feira, 4 de outubro de 2013

teatro dos sentimentos

HISTÓRIA DE AMOR
Objetivo: Refletir sobre a importância do amor nas nossas ações.

Material:
Nomes digitados: ALEGRIA, TRISTEZA, VAIDADE, SABEDORIA, RIQUEZA, BONDADE, INDIFERENÇA e VELHINHO.
08 barquinhos de papel
01 cópia do texto "Ilha dos Sentimentos" para cada personagem (postado abaixo).

Procedimento:
- Escolham 08 pessoas para representar a Alegria, a Tristeza, a Vaidade, a Sabedoria, a Riqueza, a Bondade, a Indiferença e o Velhinho.
- Distribuam um barquinho de papel para cada um destes personagens.
- Passem o texto Ilha dos Sentimentos com todos os personagens, para que entendam a história, o momento de cada um falar  e agir.
- Realizem a representação do texto e ao final, falem da importância da prática do amor nas nossas ações.

Texto: Ilha dos Sentimentos
Era uma vez uma ilha, onde moravam os seguintes sentimentos: a alegria, a tristeza, a vaidade, a sabedoria, a riqueza, a bondade e outros...
Um dia, avisaram para os moradores dessa ilha, que ela ia ser inundada. A Bondade cuidou logo para que todos os sentimentos se salvassem; então falou:
- Fujam todos, a ilha vai ser inundada.
Todos correram e pagaram seu barquinho para irem para um morro bem alto. Só a bondade não se apressou, pois queria ficar e se certificar que todos estavam bem. Quando já estava tudo inundado, correu para pedir ajuda. Estava passando a Riqueza e ela disse:
- Riqueza, leve-me com você! Ela respondeu:
- Não posso, meu barco está cheio de ouro e prata, você não ia caber.
Passou a Vaidade e ela pediu:
- Oh! Vaidade, leve-me com você!
- Não posso você vai sujar meu barco. 
Logo atrás vinha a Tristeza.
- Tristeza, posso ir com você?
- Ah! Bondade, estou tão triste que prefiro ir sozinha!
Passou a Indiferença, mas fez que não estava escutando o chamado da Bondade. Desconsolada, a Bondade começou a chorar e pacientemente resolveu esperar ajuda. Então passou um barquinho, onde estava um velhinho que lhe falou:
- Sobe, Bondade, que eu te levo!
A Bondade ficou tão radiante de felicidade que até esqueceu-se de perguntar o nome do velhinho. Chegando ao morro onde estavam os sentimentos, ela perguntou a Sabedoria:
- Sabedoria, quem era o velhinho que me trouxe aqui?
Ela respondeu:
- O Amor!


ahhh eu acrescentei outros sentimento para que outros alunos também participassem!!!!












0 comentários:

Postar um comentário